CULTURAL

Mario Adnet e OSNH - Especial Tom Jobim

Mario Adnet e OSNH - Especial Tom Jobim

17 de agosto - Teatro Feevale

Mario Adnet, compositor, arranjador, violonista e produtor carioca, tem se revezado entre sua produção pessoal e um mergulho profundo nas obras de autores-chave da música nacional como Villa-Lobos, Tom Jobim, Moacir Santos, Dorival Caymmi, Baden Powell e Luiz Eça. Adnet é vencedor de oito Prêmios da Música Brasileira, ganhou em 2004, com Paulo Jobim, o Grammy Latino de melhor CD classico por Jobim Sinfônico, também indicado ao Grammy Americano em 2005 na categoria Crossover. Mario Adnet re- cebeu 5 indicações ao Grammy Latino: Jobim Jazz ao Vivo (na categoria de melhor album de jazz latino em 2016), Dori- val Caymmi Centenário, com Dori Caymmi (nas categorias de produtores do ano e melhor disco de MPB em 2015), Um Olhar Sobre Villa-Lobos(na categoria melhor album de música clássica em 2013) e Choros & Alegria – Moacir Santos, com Zé Nogueira (na categoria de melhor álbum ins- trumental em 2006.

A orquestra:

A Orquestra de Sopros de Novo Hamburgo está comemorando 70 anos, e nasceu como uma banda municipal de Novo Hamburgo. No início da década de 90, passou a ser administrada pelo Instituto de Arlindo Ruggeri, entidade sem fins lucrativos que leva o nome do primeiro regente do grupo. No final daquela década, iniciou o movimento de transformar a banda em orquestra para interpretar músicas de concerto. Atualmente o grupo reúne 31 músicos entre os naipes de metais, madeiras, palhetas, contrabaixo e percussões. Tombada como Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural de Novo Hamburgo em 2008, a OSNH é uma das orquestras mais antigas do Estado. Está ligada à história de Novo Hamburgo, marcando presença nos principais eventos do município.

 

Realização:

Instituto Arlindo Ruggeri e Orquestra de Sopros de Novo Hamburgo

Patrocínio: Riachuelo

Apoio:

União FM

Swan Hotéis

Prefeitura de Novo Hamburgo

Financiamento:

Pró-Cultura RS